Sportbay logo

Saindo fumaça do escapamento: como identificar o problema

Caso esteja saindo fumaça do escapamento da moto, a chance do veículo apresentar problemas é grande. Porém, quais são as possíveis fontes desse mau funcionamento da motocicleta?

A fumaça no escapamento da moto pode representar uma série de problemas, dos mais comuns aos mais graves. Para te ajudar a identificar o que está acontecendo no veículo e buscar uma manutenção com mais rapidez, preparamos este guia com as principais causas da fumaça.

Fumaça branca

A primeira coisa a se fazer quando estiver saindo fumaça do escapamento da moto é identificar se ela apresenta coloração branca ou preta. Assim, já é possível afunilar a lista das causas. Vamos começar com os principais problemas relacionados à fumaça branca.

Condensação do vapor

Muitas vezes, a fumaça branca saindo do escapamento da moto quando liga não representa um problema. A fumaça branca pode ser originada pelo efeito da condensação do vapor de água do motor, algo natural se acontecer por um curto período de tempo.

Esse efeito de condensação que gera a fumaça branca normalmente acontece em dias frios, quando o vapor d’água se condensa no escapamento da moto. Dessa forma, o motociclista precisa deixar a moto ligada para aquecer o motor, fazendo com que a fumaça branca se dissipe.

Caso a fumaça branca persista, pode haver outros problemas envolvendo condensação. Uma das causas mais comuns é a infiltração da água na câmara de combustão, o que pode gerar danos graves ao veículo a longo prazo.

Líquido de arrefecimento

Relacionado ao problema anterior, o vazamento do líquido de arrefecimento é um dos principais motivos do escapamento da moto saindo fumaça. Isso acontece por danos no radiador ou na junta do cabeçote, fazendo com que o líquido vaze na câmara de combustão.

Dessa forma, o líquido de arrefecimento se mistura com o combustível, gerando as fumaças brancas e problemas na queima dos pistões. Além de provocar queda de desempenho, essa mistura danifica os anéis dos pistões e a câmara de combustão.

Uma das formas de identificar o problema é verificar o decaimento do líquido de arrefecimento. Se descer muito rápido, pode ser um vazamento. Nesse caso, procure um profissional mecânico imediatamente.

Óleo do motor

Outra mistura que pode gerar a fumaça branca saindo do escapamento da moto quando acelera é a do combustível com o óleo do motor. Tal problema é causado por danos nos cabeçotes, nas válvulas, nos filtros de ar e nos anéis do pistão.

Os indícios são vários, incluindo filtro de ar mal regulado, excesso de óleo no motor, ressecamento das válvulas, entre outros problemas. Dessa maneira, é necessário levar o veículo para um mecânico.

Combustível adulterado

Caso esteja saindo fumaça do escapamento da moto, um possível motivo é o combustível adulterado. Ou seja, uma mistura inadequada pode resultar em problemas na câmera de combustão, além de gerar eventuais danos ao motor.

Fumaça preta

Já vimos as possíveis causas da fumaça branca, mas quais são as razões para a fumaça preta? Na maioria das vezes, esse problema acontece pela mistura inadequada de ar e combustível. Confira os principais motivos.

saindo fumaça do escapamento da moto

Defeitos na ECU e nos sensores

A ECU (Unidade de Controle Eletrônico) é um componente nos motores de injeção eletrônica que regula a entrada de combustível na câmara de combustão. Dessa maneira, caso a ECU esteja apresentando problemas, a mistura de combustível com ar pode ficar desbalanceada.

Isso porque a ECU não consegue realizar os cálculos corretos para a injeção de combustível e envia uma quantidade errada para misturar com oxigênio. Dessa forma, gases de coloração preta são resultados da combinação de substâncias.

Contudo, esses problemas podem não estar relacionados diretamente à ECU, mas aos sensores. Eles informam a ECU sobre fatores como pressão e temperatura. Dessa maneira, caso estejam desregulados, os sensores informarão erroneamente o componente que distribui o combustível.

Há 3 sensores principais na moto: o sensor de pressão ou fluxo de ar é responsável por regular o ar no coletor de admissão; a sonda lambda realiza a mensuração da concentração de oxigênio; e, por fim, o sensor de temperatura informa a quantidade de combustível para aquecer o motor.

Por isso, se algum desses 3 sensores apresentarem defeitos, a ECU enviará uma quantidade de combustível errada. Por isso, é tão importante verificar se o problema está na Unidade de Controle ou nos sensores.

Danos no bico injetor

Se está saindo fumaça do escapamento da moto, o problema pode estar também no bico injetor. Essa peça de moto pode apresentar vazamentos ou obstruções, desregulando a quantidade de combustível enviada para a câmara de combustão.

Problemas no carburador

Os veículos mais antigos que possuem carburador podem apresentar fumaça preta também. Isso porque é o carburador que controla a quantidade da mistura entre oxigênio e combustível.

Dessa forma, um carburador com defeitos ou mal regulado pode resultar em problemas na câmara de combustão. Em alguns casos, a limpeza do carburador resolve o problema, mas, em outros, é necessário trocar a peça.

Sportbay: os melhores equipamentos para moto

Gostou de saber sobre as principais causas de estar saindo fumaça do escapamento da moto? No blog da Sportbay, você fica por dentro de outras dicas incríveis de manutenção, além das tendências do motociclismo e das recomendações de equipamentos!

Também confira nossa loja com tudo que você precisa para curtir com segurança e estilo. Aqui, você encontra peças de moto, incluindo escapamentos e equipamentos como capacetes e outros acessórios. Aproveite o frete para todas as regiões do Brasil!

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

ÚLTIMOS POSTS

SPORTBAY EVENTOS